Baixos níveis de testosterona aumentam os riscos de diabetes

Um novo estudo, financiado pela Organização Britânica de Diabetes do Reino Unido e realizado na Universidade de Edimburgo, mostrou que homens com baixos níveis de testosterona têm mais resistência à insulina, o hormônio que controla os níveis de açúcar no sangue, que por sua vez, aumenta o risco de desenvolver diabetes tipo 2 (não dependente de insulina).

A descoberta pode ajudar homens mais velhos a prevenir o diabetes, uma vez sabido que os níveis de testosterona diminuem com a idade.

Baixos níveis de testosterona também foram associados à obesidade, que por si só é um fator de risco para o diabetes. A testosterona age sobre as células de gordura por meio de receptores andrógenos, que permitem que a testosterona ative genes ligados ao diabetes e à obesidade.

Os cientistas acreditam que uma proteína chamada RBP4 desempenha um papel crucial na regulação da resistência à insulina quando a testosterona é prejudicada. O estudo mostrou que os níveis de RBP4 foram superiores em ratos cujo o papel da testosterona foi prejudicado.

Os resultados poderiam levar ao desenvolvimento de novos tratamentos que regulam a produção de RBP4 e reduzir o risco de diabetes em homens com níveis mais baixos de testosterona.

Fonte: Live Science

Veja também: Influência do colesterol na evolução do Alzheimer

Esse post foi publicado em Curiosidades, Entendendo o Corpo, Neurociência, Qualidade de Vida, Terceira Idade e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s